Somos mais fortes do que pensamentos

03:14:00

Olá menin@s <3 o post de hoje é mais sobre mim, quem sou, de onde venho, desabafar um pouco convosco de quem é a Helena e como ultrapassei uma fase má na minha vida.

Tenho 23 anos, nasci no dia 1 de Junho no hospital de Aveiro, para quem não sabe é o dia Mundial da Criança, ehehe adoro fazer anos neste dia.
Não tive uma infância feliz, sentia-me excluida na escola do grupinho de amigos por usar roupa que já tinha sido usada, e por pertencer a uma família com dificuldades.



Venho de uma família pobre como já mencionei e é por isso que "hoje" quando consigo arranjar um dinheirinho (em vendinhas, ou de prendas de anos/natal) guardo e não vou logo gastar, pois poderei precisar dele "amanhã".
Com 4 anos, eu e a minha família tivemos um acidente de motorizada, da qual eu parti a perna esquerda, mas recuperei bem.

A vida é cheia de altos e baixos!

Durante 20 anos a minha vida não foi fácil. Tive momentos felizes, mas foram mais momentos tristes que felizes.
Tenho uma família complicada, que me prendia, não me deixava crescer. (muitos problemas que não vale a pena falar)

(...)

Dando um pulo na história da minha vida, e hoje é dia 25 de Dezembro de 2009. O 1º Natal mais triste que vivi, pois um mês antes o meu pai tinha ficado desempregado, e para os meus pais não perderem a casa que ainda hoje estão a pagar ao banco deixa-mos de ter dinheiro para pôr comida na mesa.

Eu tocava clarinete numa banda filarmónica da zona e uns dias antes do natal recebi 12€ por uma saída/atuação que tinha-mos tido. Em vez de guardar o dinheiro fui aos chineses e para não passar-mos um Natal sem um presente, comprei com 12€, três presentes, um para o meu pai, um para a minha mãe e um para o meu irmão...
No dia 25, dia de natal ofereci o presente simbólico a cada um deles e o meu pai abraçou-me e começou a chorar...pois apesar das dificuldades, os meus pais sempre conseguiam juntar um dinheirinho para um presente, mas nesse ano não!
Graças a Deus 2010 foi um ano bom e o meu pai conseguiu arranjar emprego.
(...)
Mais um Natal triste, 25 de Dezembro de 2013, passados 4 anos daquele natal triste, as lágrimas voltaram, pois eu e o meu irmão ia-mos morrendo.
Tivemos um acidente de carro, a caminho de um shopping em S. João da Madeira! Tudo ficou PRETO nesse momento...Não me lembro de quase nada, apenas que estava a ser um natal feliz, lembro-me de ter saído de casa, apesar de que não queria! Mas pela 15:30h o destino trocou-nos as voltas!


Era o meu irmão que ia a conduzir o veículo que vêm na imagem, ou posso dizer: meio veiculo (o mesmo partiu ao meio quando o segundo carro bateu em nós), ao que tudo indica fui projetada e cai na valeta, da qual me estava afogar pois a mesma estava com água. 
Uma menina que esteve sempre ao meu lado, a não me deixar desmaiar, ia-me fazendo perguntas, de onde era, como me chamava?! mas de nada me lembro, mas a verdade é que Ela encontrou o meu perfil pessoal do facebook.
Quando os meus pais chegaram ao local do acidente desmaiaram quando os seus olhos se prenderam na viatura. Dizia-se que os dois irmãos que seguiam no carro tinham morrido. 

Depois de tudo isto, o que me lembro foi de ver os meus pais ao meu lado na cama do hospital a chorar imenso e eu cheia de dores, mas pensava eu que era um pesadelo...
No dia seguinte estava assim:


Afinal o pesadelo era real!
As dores eram imensas, eu mexia-me muito até uma enfermeira se virar para mim e dizer :"Páras quieta ou queres ficar numa cama para sempre?!" Meu Deus o que ela me disse, fiquei em choque. Mas era verdade, 
Como podem ver na imagem, a cervical é composta por 7 ossos por assim dizer, se no acidente tivesse afetado o nr 1 eu a esta hora estava numa cadeira de rodas ou então morta, mas afetou o 2, sorte? não sei, mas tive um anjo que me protegeu. 



Para além da cervical, parti também costelas, fiz um corte no rosto junto ao olho, o braço direito ficou totalmente inutilizado, furei um pulmão e o maxilar saiu do sitio. Atualmente mexo bem o braço mas todos os cuidados são poucos, pois qualquer coisa, o mesmo pode voltar a sair do sitio como aconteceu no verão passado no dia 16 de Julho ao sair da piscina. Tive duas semanas com o braço ao peito.
Se voltar acontecer terei que ser operada, o que o médico não recomenda e daí todos os cuidados a ter!

Isto foi o que me aconteceu no Verão passado


Recebia visitas todos os dias, de amigos, famíliares e até da minha professora de Português que mesmo depois de ter saído da escola já tinham passados 2 anos, não me deixou de ir visitar. Por causa dela fiquei a gostar imenso de manga :p nunca tinha provado e pronto, aqui a menina ficou gulosa por esta fruta.
Quando chegava alguém para me visitar as pessoas diziam o meu nome e a senhora da recepção já não precisava de saber em que piso estava eheh pois era a menina que mais visitas tinha.

Foram 27 dias que estive agarrada a uma cama, sem dar um passo...
Aos fim destes dias, ou seja 21 de Janeiro de 2014, yupiii, primeiros passos. Andei uns 5 metros e quando cheguei à cama parecia que tinha sido atropelada por uma camião, tantas dores...
Os meus pais choravam de tanta alegria, se na imagem repararem o meu pai também aparece eheh ainda que só a sua sombra na porta! Ele tinha feito anos no dia anterior 20 de Janeiro, ou seja foi um presente atrasado maravilhoso.


Dia 28 tive alta, finalmenteeeeeeeeeee x) e vim para casa
Um casal amigo emprestou uma cama articulada o que ajudou muito.

Os dias foram passando, a desanimar, as dores que não iam embora, as noites mal dormidas, a não ver o fim deste pesadelo! Até que...

No dia 15 de Fevereiro conheci o meu namorado, quer dizer a gente já se conhecia mas ele e eu namoravamos na altura.
Ele disse que assim que me viu o seu pensamento foi "tenho que cuidar desta menina". Ele foi a melhor coisa que me podia ter acontecido naquela fase de recuperação. 
Foi o que precisava para querer recuperar rápido, foi a minha força, a minha boa energia.


Esta foi foto tirada no dia 6 de Março, e o meu estado ainda não era muito bom. Tinha perdido 13 kg (50kg), estava um autêntico esqueleto. Mas mesmo assim ele não me abandonou.
Este rapaz é tudo para mim.
E hoje passados 2 anos e quase 8 meses de estarmos a namorar eu digo: SOU A RAPARIGA MAIS FELIZ DO MUNDO.










Apesar de todo o meu passado, a vida recompensou-me por tudo o que sofri e meteu este rapaz na minha vida. 

Devemos sempre acreditar num amanhã melhor :)

Por vezes temos que passar pelo inferno, para encontrar-mos a PAZ que precisamos na nossa vida.
Sempre que falo da minha história choro, pois gostava de ter tido uma infância diferente, mais feliz. Mas quis a vida que fosse assim e hoje sou feliz!



E é isto menin@s, um breve resumo do que tem sigo a minha vida ao longo destes 23 anos!
Espero que gostem, beijnhos grandes

You Might Also Like

44 comentários

  1. Uma mulher cheia de força e de coragem... nunca desanimes, essa vida dificil fez de ti a mulher q es hoje...uma mulher linda! �� continua assim princesa! Desejo-te so coisas boas...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada por tudo Carlinha <3 pela sua amizade!

      Beijinho muito grande :*

      Eliminar
  2. OH Helena , fiquei a chorar !! Só te conheço aqui do Facebook , mas és daquelas pessoas que mesmo à distancia nós sabemos que têm um coração de ouro ! Indentifiquei-me logo com o inicio do texto , também foi assim comigo na escola ! Que Deus te proteja sempre ! Beijinhos <3

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Carlinha pelas tuas palavras :$ <3 infelizmente quando passsamos dificuldades somos colocados de lado, :( espero que a mentalidade hoje ja tenha mudado

      Beijinhos grandes e mais uma vez obrigada <3

      Eliminar
  3. Meu amor, mesmo já conhecendo a tua história, fico sempre emocionada.
    Fiquei chocada com o vídeo e como ficou o carro.
    Adoro-te ��
    Elisabete Caiado Condeço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É tudo assustador :c , mas graças a Deus já passou
      Também te adoro muitoooo!!!

      Beijinho grande :*

      Eliminar
  4. Meu amor, mesmo já conhecendo a tua história, fico sempre emocionada.
    Fiquei chocada com o vídeo e como ficou o carro.
    Adoro-te ��
    Elisabete Caiado Condeço

    ResponderEliminar
  5. Adorei conhecer um pouco sobre tua vida
    nem sei que te diga mas foi muita coragem para tudo isso
    Beijinhos
    CantinhoDaSofia /Facebook /Intagram
    Tem post novos todos os dias

    ResponderEliminar
  6. Foste e continuas a ser uma menina de força e coragem.gosto muito de ti linda beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Foste e continuas a ser uma menina de força e coragem.gosto muito de ti linda beijinhos

    ResponderEliminar
  8. Ainda gosto mais de ti e cada vez tenho mais certeza de que és muito especial!
    Um abraço bem apertadinho e beijinhos com carinho �� Um dia conto-te a minha história...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pelas suas palavras Ana <3 também gosto muito de si

      Terei todo o gosto em ouvir, beijinho muito grande :)

      Eliminar
  9. Uau querida, fiquei impressionada com a tua história. Tens mesmo muita força e isso é admirável.
    Desejo-te a melhor sorte do mundo <3
    Beijinhos,
    An Aesthetic Alien | Instagram

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada de coração Sofia :$ <3
      beijinho grande :*

      Eliminar
  10. Ainda bem que os tempos mais difíceis já passaram!


    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  11. Ainda bem que os tempos mais difíceis já passaram!


    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  12. Meu deus, que história! Realmente foi um anjinho que te guardou nesse acidente e fico mesmo feliz por hoje em dia seres uma pessoa feliz e saudável.

    Marli, do My Own Anatomy ♥

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foi mesmoo <3 obrigada de coração Marli
      Beijinho :*

      Eliminar
  13. Puseste me a chorar! Mas sabes eu penso que foste muito sortuda, tiveste os anos maus no início da vida, agora como estás a viver serão só coisas boas porque tu mereces tens um coração lindo! bjokas muito grandes e sabes que tou aqui para o que precisares.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Apesar de todo o passado também me considero uma sortuda <3 , lá está, devemos sempre acreditar num amanhã melhor :)
      beijinhos muito grandes

      Eliminar
  14. Minha querida mesmo já conhecendo a tua história fiquei muito emocionada ao ler este texto. Que Deus te proteja sempre e que sejas sempre muito feliz pois tu mereces isso e muito mais. Beijinhos grandes <3

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigadaa tete por tudo <3 , já me acompanha à uns largos mesinhos
      beijinho muitoo grande :*

      Eliminar
  15. A tua história mexeu verdadeiramente comigo. Senti-me arrepiada várias vezes à medida que ia lendo... sabes o que dá logo vontade? De te dar um abraço! Puseste-me com as lágrimas nos olhos. E esse teu namorado...bem não sei que diga, mas desses há muito poucos. Apesar de não ter sido nada fácil parece me que tens mesmo uma "estrelinha" a cuidar de ti.
    O teu irmão ficou bem? Um grande beijinho para ti
    elisaumarapariganormal.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Elisa obrigada de coração pelas tuas palavras <3
      Sim ele ficou, não sei se viste o video, mas o sangue que esta no chão é dele, ele desmaiou logo segundo o que me disseram. Apesar de não ter partido nada, a Ele o que afetou foi na cabeça. Segundo os meus pais ele no dia a seguir estava tipo um "monstro", pois a cabeça dele inchou tanto que mais pareciam duas :c

      Eliminar
    2. Não me tinha apercebido do vídeo porque cliquei na imagem e como não abriu só agora vi que tinha de clicar na palavra . Já vi e fiquei com um nó na garganta. Não há palavras que descrevam o que vocês passaram naquele dia. Nem consigo sequer imaginar como um pai e uma mãe veem tal cenário ... Que horror Helena ! Sem duvida que houve um milagre e o vosso Euromilhões saiu naquele dia . Passado este tempo (que apesar de tudo ainda não foi muito) estás totalmente bem ? Um grande beijinho

      Eliminar
    3. Não como gostaria, mas sim estou a 80% bem eheh <3
      O que me custa mais de momento é quando vem as mudanças de tempo, quando o frio se avizinha, as dores são tantas, tem dias que choro de dores, e eu evito tomar medicação, medicação é uma droga, e se habituamos o nosso corpo a ela, nunca mais a largamos, e não quero isso para a minha vida <3
      Fora isto, é o medo que tenho de o braço voltar a sair do sitio, pois não quero ser operada!
      Mas com cuidado a vida vai-se vivendo <3
      Um muito obrigada pelas tuas palavras e carinho, Beijinho grande :)

      Eliminar
  16. Só agora li este post princesa...
    Não tenho palavras! Só te digo uma coisa: és sem dúvida uma MULHER MUITO FORTE e eu admiro-te muito por isso.
    Não foram momentos nada fáceis, acredito, mas espero que a partir de agora só tenhas coisas boas na tua vida, porque bem mereces.
    Sei que não estás 100% recuperada, mas aos poucos vais ficando melhor e eu estou a torcer por ti.

    Se precisares de alguma coisa já sabes que podes contar sempre comigo! Afinal és a minha mãe virtual eheh, sempre preocupada comigo!

    Um beijinho muito grande minha linda e força! <3

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Woooow minha pequenina ♡ obrigada de coração pelas tuas palavras :$
      Beijinho muito grande :*

      Eliminar
  17. E o "susto", a parte emocional já conseguiste superar ?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim,grande parte sim. Agora é mais aquele medo "trauma" quando vou numa autoestrada. Ou então conduzir com chuva.
      Tenho medo q tenha um pouco de óleo na estranha... :x

      Eliminar
  18. Meu Deus,que loucura,que susto e uma tragédia que podia ter corrido melhor,passaste mesmo por um enorme inferno!! Depois ainda há pessoas como eu que dizem que já não existe futuro risonho para elas por sofrerem de uma depressão nervosa que já é para toda a nossa vida!! Eu tenho dias e cada vez mais dias tristes e solitários,noites que,mesmo com os comprimidos,não consigo dormir,depois leio histórias como a tua e fico a pensar que há pessoas bem piores que eu!! Muita força querida,um beijinho enorme e boa sorte para o resto da tua vida!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ohhhh ♡ não penses assim. Temos q acreditar e ter fé. Vais ver q aod poucos vais ficar boa também. Mesmo não nos conhecendo por vezes desabafar com " estranhos " ajuda. ♡
      Obrigada de coração pelo teu comentário. Beijinho muito grande :*

      Eliminar
  19. Olá Helena,
    depois de concluir esta tua publicação, só me resta dizer que és uma MULHER DE ARMAS!
    Encontrei o blog através do blog Simplesmente Andreia e vou seguir-te.

    xoxo,
    Sofia S. | Singularidades De Uma Morena

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Sofia ♡obrigada de coração pelas tuas palavras
      Beijinho grande :-*
      Irei passar no teu blog

      Eliminar
  20. Olá :)
    Roupa usada e estimada não tem problema algum ;)
    Beijokitaz

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois não <3 , mas as crianças são maldosas lili!

      Eliminar
  21. Minha querida como eu te admiro <3 és uma grande menina/mulher <3 eu também não tive uma vida nada fácil, também era gozada na escola, batiam-me na escola era horrível, ao ponto de eu detestar a escola. Cheguei a comer muitas vezes arroz, massa ou batatas com ovos estrelados, ou com atum, ou salsichas de lata...cresci sem a presença do meu pai que se suicidou quando eu tinha 5 anos, tive vários padrastos uns anos depois, não que a minha mãe precisasse de ter um homem por sexo ou algo do género mas, sim para ter um homem que a ajudasse a criar 4 filhos, porque sozinha não tinha possibilidades económicas...mas não resultavam...e todos foram maus, o último então, só assisti uma vez ele agredir a minha mãe fisicamente e fui defender a minha mãe e ele deu-me um estalo, a violência psicológica em casa era diária, a minha mãe não saía daquele pesadelo porque não tinha dinheiro para alugar uma casa e sustentar a mim, a ela e ao meu irmão, porque as minhas outras duas irmãs já tinham a família delas. Mais tarde vim a saber, o que já desconfiava, aquele monstro agrediu fisicamente a minha mãe muitas vezes :-( e vivemos este pesadelo durante pelo menos 7 anos. Mas há sempre pessoas com vidas piores que as nossas :-( Um beijinhos muito grande, cheio de carinho e umas lambidelas da Jade <3

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh Carlinha, infelizmente nem todas nascemos para ter aquela vida feliz, aquela infância que de recordamos, bate a saudade. Não é o nosso caso.
      Mas ainda temos uma longa vida pela frente e não podemos deixar que as coisas do passado destruam o nosso presente ou futuro.
      A vida são dois dias, hoje estás bem amanhã podes já não estar.

      Desejo-te tudo de booom. Um beijinho enorme para ti e para a jade 💖💖❣

      Eliminar